♫AMIGOS DO AFRO CORPOREIDADE♫

sábado, 11 de dezembro de 2010

♫Seu Xangô da Mangueira é tema do República do Samba, 10 anos - 18 de dezembro no Laurinda - Santa Teresa- Rio de Janeiro♫



Seu Xangô da Mangueira é tema do República do Samba, 10 anos
Cinema - Debate e Roda de Partido são as atrações de sábado, dia 18 de dezembro,
 Centro Cultural Laurinda Santos Lobo

O projeto jornalístico República do Samba faz 10 anos. A festa será no dia 18 de dezembro, no Centro Cultural Laurinda Santos Lobo, a partir das 16 horas. A entrada está franquiada para saborear um feijão amigo ou sopinha de ervilha acompanhada de uma gelada. 
 Dono de um rico acervo, o jornalista Mauro Viana (8648-4746 / 7474-2116) vai aproveitar a data para exibir as imagens da entrevista da participação de   Xangô da Mangueira, em 2000, no República do Samba  Na verdade, a festa do República do Samba, 10 anos  será um Tributo ao Seu Xangô da Mangueira. Convidados? Todos os cantores, compositores, músicos, produtores, cineastas, pesquisadores, escritores, fotógrafos que são personagens da história do República do Samba, nestes 10 anos.  Por esta motivo, consta na programação: audio-visual, debate e, claro, Roda de Partido. 
O Tributo ao Seu Xangô da Mangueira começa com a exibição dos filmes Partido Alto de Leon Hirszman & Samba de Theresa Juressom e projeção visual sobre Xangô da Mangueira de autoria do VJ Paulo China.  A seguir, entram em cena Tantinho da Mangueira, (grande parceiro de Xangô); Dona Sônia Ferreira (víúva do Mestre), Tânia Malheiros (intéprete) e a afilhada Márcia Moura. Márcia Moura, aliás, vai puxar a Roda de Partido com Baiaco e Juninho Timbau. Na Roda estarão, ainda, os Partideiros de Turiaçu, Gegê da Mocidade, Margarete Mendes,  Paulinho Cerqueira, Di Menor e vários outros. Entrada Franca
 
Olivério Ferreira  (19/1/1923 a 7/1/2009)  -
Compositor,cantor, jongueiro,calangueiro, improvisador e versador,  Mestre do Partido-Alto. Nasceu no Estácio e começou a compor e tocar sambas na Portela. Nos anos 30 foi próximo de Paulo da Portela, um dos fundadores da escola, mas em 1939 foi para a Mangueira. Lá atuou como diretor de harmonia e integrante da ala dos compositores. Até 1951 foi o puxador oficial dos sambas-enredo da escola, passando depois o posto a Jamelão. Na década de 70 gravou LPs com músicas suas, que também foram regravadas por diversos intérpretes, como Clara Nunes, Clementina de Jesus e Martinho da Vila. Foi também produtor, organizando um pagode semanal no Teatro de Arena, no Rio de Janeiro, por algum tempo. Integrante da Velha Guarda da Mangueira, criou nos anos 80 o grupo Sensa Samba, que se apresentava em teatros e casas de espetáculos tocando suas músicas mais conhecidas, como Mulher da Melhor Qualidade, Se o Pagode É Partido, Quando Eu Vim de Minas e Moro na Roça.
 
 República do Samba, 10 anos
 TRIBUTO A SEU XANGô DA MANGUEIRA
cinema - debate - roda de partido
 dia 18 de dezembro de 2010
 apresentação: Ivan Rodrigues Alves 
  assistente de produção: Dalva Beltrão
programação visual: Italmar Vasconcellos
Vjing: Paulo China
fotografia: Jorge Ferreira,Ronaldo Holtz, Maria de Souza Lima, Flavio Rocha
realização: JIMP Comunicação
apoio: Associação Cultural República do Samba
direção de produção: Mauro Viana (8448-4736 / 7474-2116)
*Fonte: Enviado através de email pelo jornalista Mauro Viana a quem agradecemos.*

2 comentários:

Guará Matos disse...

Caraca, um mega evento para os adoradores confessos (eu me incluo) da boa cultura.

Bjs.

lucidreira disse...

Isso sim que é uma bela homenagem ao samba, tem mais é que publicar e difundir essas matérias.
Parabéns
Abraço

♫ESCOLA DE MÚSICA PENTAGRAMA♫ Direção Mapinha * Músico-Professor♫

♫ESCOLA DE MÚSICA PENTAGRAMA♫ Direção Mapinha * Músico-Professor♫
♫VIOLÃO * CAVAQUINHO * GUITARRA * BAIXO * FLAUTA * SAXOFONE * TROMPETE * TROMBONE * CLARINETE * GAITA * PIANO * TECLADO * CANTO * BATERIA * PERCUSSÃO GERAL♫ RUA IGARATÁ, Nº566 - MARECHAL HERMES - Rio de Janeiro* TEL(S):3456-1510/8133-3559* www.empentagrama.kit.net

*Registrado no Creative Commons*

Licença Creative Commons
Afro-Corporeidade e Africanidades de Denise Guerra dos Santos é licenciado sob uma Licença Creative Commons Atribuição-Uso não-comercial-Vedada a criação de obras derivadas 3.0 Unported.
Based on a work at afrocorporeidade.blogspot.com.
Permissions beyond the scope of this license may be available at http://afrocorporeidade.blogspot.com.

*FRUTOS DA DIÁSPORA AFRICANA*

*ACESSE http://www.africaeafricanidades.com.br*

*ACESSE  http://www.africaeafricanidades.com.br*

*"Capoeira é de Todos e de Deus. Mundo e gentes têm mandinga, Corpo tem Poesia, Capoeira tem Axé"*

*"Capoeira é de Todos e de Deus. Mundo e gentes têm mandinga, Corpo tem Poesia, Capoeira tem Axé"*
*Frase do Livro "Feijoada no Paraíso" Besouro*
Related Posts with Thumbnails

♫SUGESTÕES BIBLIOGRÁFICAS♫

  • *CASCUDO, Luís da Câmara. Dicionário do Folclore Brasileiro. 6ª edição. Belo Horizonte: Itatiaia, 1988.
  • *COSTA, Clarice Moura. O Despertar para o outro: Musicoterapia. São Paulo: Summus Editorial, 1989.
  • * FREGTMAN, Carlos Daniel. Corpo, Música e Terapia. São Paulo: Editora Cultrix Ltda,1989.
  • *EVARISTO, Conceição. Ponciá Vicêncio. Belo Horizonte: Mazza Edições, 2003.
  • * FREYRE, Gilberto. Casa grande e Senzala. 50ª edição. São Paulo: Global Editora, 2005.
  • *HOBSBAWN, Eric J. História Social do Jazz. Rio de Janeiro: Paz e Terra, 1990.
  • *LOPES, Nei. Bantos, Malês e Identidade Negra. Belo Horizonte: Autêntica, 2006.
  • *_________. Dicionário Escolar Afro-Brasileiro. São Paulo: Selo Negro, 2006.
  • *_________. Enciclopédia Brasileira da Diáspora Africana. São Paulo: Selo Negro, 2004.
  • *_________. O Negro no Rio de Janeiro e sua Tradição Musical: Partido Alto, Calango, Chula e outras Cantorias. Rio de Janeiro: Pallas, 1992.
  • PEREIRA, José Maria Nunes. África um Novo Olhar. Rio de Janeiro: CEAP, 2006.
  • *RAMOS, Arthur. O Folclore Negro do Brasil. São Paulo: Martins Fontes, 2007.
  • *ROCHA, Rosa M. de Carvalho. Almanaque Pedagógico Afro-Brasileiro: Uma proposta de intervenção pedagógica na superação do racismo no cotidiano escolar. Belo Horizonte: Mazza Edições, 2006.
  • *___________. Educação das Relações Étnico-Raciais: Pensando referenciais para a organização da prática pedagógica. Belo Horizonte: Mazza Edições, 2007.
  • *ROSA, Sônia. CAPOEIRA(série lembranças africanas). Rio de Janeiro: Pallas, 2004.
  • *__________. JONGO(série lembranças africanas). Rio de Janeiro: Pallas, 2004.
  • *___________. MARACATU(série lembranças africanas). Rio de Janeiro: Pallas, 2004.
  • *SANTOS, Inaicyra Falcão. Corpo e Ancestralidade: Uma proposta pluricultural de dança-arte-educação. São Paulo: Terceira Margem, 2006.
  • *SODRÉ, Muniz. Samba o Dono do Corpo. Rio de Janeiro: Mauad, 1998.
  • TINHORÃO, José Ramos. Música Popular Brasileira de Índios, Negros e Mestiços.RJ: Vozes, 1975.
  • _________ Os sons dos negros no Brasil. São Paulo: Art Editora, 1988.